14-02-2020

Ensino da Ética

Embora não exista uma abordagem única para ensinar ética e profissionalismo médico, estudantes de Medicina devem ser orientados sobre tais assuntos.
 
Os autores de O papel essencial da educação em ética médica para alcançar o profissionalismo: o relatório Romanell, baseado no Código de Ética Médica da AMA, entre outros documentos, indicam algumas das questões éticas mais emergentes a serem abordadas junto a este público-alvo. Confira a síntese abaixo: 

Cuide da própria saúde 

Para preservar a qualidade de seu desempenho, os médicos têm a responsabilidade de manter sua saúde e bem-estar, amplamente interpretados como prevenção ou tratamento de doenças agudas ou crônicas, incluindo doenças mentais, deficiências e estresse ocupacional

Use as mídias sociais profissionalmente 

Participar de redes sociais pode ampliar a expressão pessoal dos médicos, promover a colegialidade e camaradagem dentro da profissão, oferecer oportunidades para disseminar amplamente mensagens de saúde pública, entre outras

Relate comportamentos imperitos ou antiéticos de colegas 

A obrigação de denunciar conduta imperita ou antiética capaz de colocar os pacientes em risco é reconhecida tanto nos padrões éticos da profissão quanto na lei 

Estudantes devem ser envolvidos no atendimento 

O contato com os pacientes é essencial para a formação de estudantes de medicina. No entanto, a obrigação de desenvolver a próxima geração de colegas deve ser equilibrada com a liberdade de os pacientes de escolher de quem recebem tratamento

Reflita sobre aceitar presentes  

Os pacientes oferecem presentes a um médico por muitas razões. A interação desses fatores é complexa e os profissionais devem considera-la com sensibilidade antes de aceitar ou recusar um presente

Gerencie conflitos de interesse 

Sob nenhuma circunstância os médicos podem colocar seus próprios interesses financeiros acima do bem-estar de seus pacientes 

Fique por dentro de assuntos como genética e medicina reprodutiva 

O progresso contínuo nas tecnologias genéticas abre novas perspectivas para a compreensão e o tratamento de doenças, enquanto os avanços nas tecnologias reprodutivas oferecem oportunidades para criar famílias de maneiras novas – colocando desafios para pacientes, famílias, médicos e sociedade. 

Fonte: American Medical Association 


Esta página teve 432 acessos.

(11) 4349-9983
cbio@cremesp.org.br
Twitter twitter.com/CBioetica

Rua Frei Caneca, 1282 - Consolação - São Paulo/SP - CEP: 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO - (11) 4349-9900 das 9h às 20h

HORÁRIO DE EXPEDIENTE - das 9h às 18h