17-08-2017

Eutanásia conjunta

Ambos tinham 91 anos – dos quais compartilharam 65 juntos. Nic Elderhorst sofria pelas sequelas do AVC pelo qual passou em 2012. Sua esposa, Trees, recentemente foi diagnosticada com demência. Com um futuro nada promissor, tinham duas certezas: um não queria viver sem o outro ou deixar esse mundo sozinho.

Em julho, ambos conseguiram seus intentos singelos: trocaram uma última palavra, um beijo, e morreram juntos de mãos dadas. Com auxílio médico.

“Morrer juntos foi o seu desejo mais profundo”, disseram suas filhas a um jornal local, frase depois repercutida em reportagem do Washington Post.

Raro
O caso dos idosos de Didam, Países Baixos, é raro até na Holanda –onde os médicos não são punidos por praticar a eutanásia em situações específicas–, na medida em que ambos atendiam aos critérios para a eutanásia sob a Lei de Rescisão da Vida Holandesa sobre Solicitação e Suicídio Assistido.

Por lá, a eutanásia e o suicídio médico-assistido podem ser realizados somente quando o pedido do paciente é voluntário e bem pensado; se a pessoa passa por sofrimento “duradouro e insuportável” e “não há outras soluções”, entre outras determinações.

“Estamos satisfeitos por ter na Holanda esta legislação humana e cuidadosamente executada, que permite realizar os desejos honestos dessas duas pessoas, cujo destino estava doloroso e sem esperança”, reforçou Dick Bosscher, da Associação Holandesa para um Fim de Vida Voluntário (sigla em inglês, NVVE), ao Washington Post.

Ele disse que os Elderhorsts faziam parte dos 165 mil filiados à organização NVVE.

Pesquisas publicadas recentemente no New England Journal of Medicine revelaram que a eutanásia e os suicídios assistidos por médicos representavam 4,5 por cento das mortes nos Países Baixos em 2015, ante 1,7 por cento em 1990, antes que fosse legal.

A avaliação de 25 anos constatou que a maioria dos pacientes que receberam assistência tinha doenças graves.

Fonte: The Washington Post 


Esta página teve 245 acessos.

(11) 5908-5647
cbio@cremesp.org.br
Twitter twitter.com/CBioetica

Rua Luís Coelho, 26 - Consolação - São Paulo/SP - CEP: 01309-000

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO - (11) 5908-5600 das 8h às 20h

HORÁRIO DE EXPEDIENTE - das 9h às 18h